A IMPLANTAÇÃO DO BALANCED SCORECARD EM EMPRESAS BRASILEIRAS SOB A PERSPECTIVA DA CULTURA NACIONAL

Ana Carolina Pimentel Duarte da Fonseca, Frederico Pires Pereira Fernandes

Resumo


Diversos autores, tais como Hofstede (1991), Hampden-Turner e Trompenaars (1994), e Caldas e Wood (1998), alertam que práticas gerenciais geralmente carregam características da cultura nacional daqueles que as desenvolveram. O Balanced Scorecard, modelo gerencial desenvolvido pelos pesquisadores americanos Kaplan e Norton, vem sendo adotado em diversos países fora dos Estados Unidos, inclusive no Brasil. A análise das dimensões culturais relevantes para a implantação do Balanced Scorecard resultou em algumas proposições teóricas acerca de sua implantação em empresas brasileiras, mostrando que os valores culturais implícitos no Balanced Scorecard parecem, em sua maioria, coincidir com os da cultura americana e divergir dos da cultura brasileira Os resultados da análise de cinco estudos de casos sobre a implantação do Balanced Scorecard em empresas brasileiras apontam para a influência das diferenças culturais durante o processo de implantação.


Palavras-chave


Balanced Scorecard. Cultura organizacional. Cultura Nacional.

Texto completo:

PDF


 

 

  Revista ABCustos - ISSN 1980-4814

  Associação Brasileira de Custos, São Leopoldo, Rio Grande do Sul, Brasil

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia