GESTÃO DE CUSTOS EM PEQUENAS PROPRIEDADES RURAIS: UM ESTUDO APLICADO NO MUNICÍPIO DE MARECHAL CÂNDIDO RONDON – PR

Adriane Carine Maldaner Vorpagel, Elza Hofer, Anderson Giovane Sontag

Resumo


Toda atividade empresarial necessita de planejamento, controle e gestão. Os empresários utilizam-se do conhecimento da administração, contabilidade e economia para gerenciar seus empreendimentos e tomar decisões. No agronegócio e na agricultura familiar, não pode ser diferente. Embora, muitas vezes, o empreendimento não se constitua uma empresa formal, mas a própria pessoa física no exercício de suas atividades, precisam-se de ferramentas gerenciais. Este estudo tem como objetivo verificar se os produtores de Marechal Cândido Rondon – PR utilizam controle de custos no gerenciamento de suas atividades, identificando o perfil, o porte das propriedades e de que maneira essas variáveis podem interferir na gestão e controle das atividades rurais. A pesquisa caracteriza-se por um estudo descritivo, de levantamento, e a coleta de dados desenvolveu-se com a aplicação de questionário. Os resultados da pesquisa foram submetidos a tratamento quantitativo, com análise descritiva. Constatou-se que os produtores possuem muita experiência no desenvolvimento das atividades rurais, mas encontram dificuldades na gestão da sua propriedade. A grande maioria adota um controle de custos informal, com anotações em caderno, sendo que modelos de gestão mais sofisticados são adotados por uma minoria de produtores rurais. O tamanho da propriedade e o faturamento influenciam na gestão, uma vez que, de acordo com o cruzamento de dados, verificou-se que quanto maior for a propriedade e o faturamento, melhor será o controle de custos das atividades desenvolvidas.

Palavras-chave


Controles Contábeis. Gestão de Custos. Atividades Rurais.

Texto completo:

PDF

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia