MONITORAMENTO DE CUSTOS E DO PASSIVO SOCIOAMBIENTAL: UMA PROPOSTA DE ARQUITETURA DE DADOS DE SUSTENTABILIDADE

Takeshy Tachizawa

Resumo


O artigo apresenta uma arquitetura de dados de custos socioambientais para diagnóstico das organizações em termos de sustentabilidade econômica. É proposto um modelo de base de dados de indicadores de diferenciação de custos socioambientais, fundamentado em pesquisa empírica, desenvolvida pelo método grounded theory. A ênfase da grounded theory é o aprendizado a partir dos dados (interativa e indutiva), e não a partir de uma visão teórica existente (dedutiva). Tais indicadores, além de refletir o estágio de sustentabilidade em que se encontra a empresa analisada, subsidiariam o mapeamento socioambiental dos diferentes segmentos econômicos do universo empresarial brasileiro. A arquitetura, estruturada com o suporte de recursos das tecnologias da informação possibilitaria o planejamento de decisões inerentes à gestão de custos socioambientais de sua cadeia produtiva.


Palavras-chave


Custos socioambientais. Arquitetura de dados de sustentabilidade. Diagnóstico das organizações.

Texto completo:

PDF


 

 

  Revista ABCustos - ISSN 1980-4814

  Associação Brasileira de Custos, São Leopoldo, Rio Grande do Sul, Brasil

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia